X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!
Pacientes de Guanambi internados com Covid-19 receberam alta.
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Pacientes de Guanambi internados com Covid-19 receberam alta.

Os três pacientes de Guanambi, internados na última semana por conta dos sintomas da Covid-19, receberam alta. Eles desenvolveram sintomas da doença e precisaram da hospitalização. Como não houve piora nas condições de saúde, um paciente recebeu alta no sábado (11) e outros dois no domingo (12).

No momento não há mais pacientes internados no Pronto Atendimento (PA) da Covid-19  em Guanambi. Desde a sua inauguração, sete pessoas ficaram internadas na unidade de saúde e todos tiveram alta.

O local já antedeu 786 casos de síndromes gripais e já aplicou 271 testes rápidos. Também foram realizados 206 exames laboratórias e 24 exames de raio-x nos pacientes que procuraram o PA.

 

Nenhum paciente confirmado com a Covid em Guanambi precisou de transferência para Vitória da Conquista até o momento. Uma paciente de Carinhanha que estava internada no Hospital Geral de Guanambi (HGG) foi transferida neste domingo (12) para Salvador.

Não foram registrados novos casos de coronavírus em Guanambi nas últimas 24 horas. O município permanece com 120 casos confirmados, sendo que 89 pacientes são considerados recuperados e 31 permanecem ativos com o vírus.

Neste domingo, o Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen/BA) não disponibilizou resultados de exames de pacientes do município. São 58 exames aguardando análises e mais 9 pacientes aguardando a coleta do material para envio. Até o momento, 378 casos foram descartados e 42 confirmados laboratorialmente.

Três testes rápidos foram aplicados nas últimas 24 horas e todos tiveram resultado negativo. Ao todo, 2.199 testes foram aplicados e 78 tiveram resultado positivo. Além de pacientes com suspeita da doença, os testes foram aplicados em profissionais de saúde e segurança pública, internos e funcionários do Lar dos Idosos, presos e agentes penitenciários, entre outros.

Agencia Sertão

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter