X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!
Caculé: Homens mortos em ação da CIPE/CAESG eram de Irundiara e Jânio Quadros.
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Caculé: Homens mortos em ação da CIPE/CAESG eram de Irundiara e Jânio Quadros.

Grupo é suspeito de roubo a veículo e tentativa de assalto a agência bancária.

Após apuração feita por nossa reportagem, o Informe Cidade identificou os três homens mortos na noite desta quarta-feira (27) durante uma ação de agentes da CIPE/CAESG (antiga Caatinga) em Caculé. Uma das vítimas era do Distrito de Irundiara (Izaías), município de Jacaraci e as outras duas (Caio e Juninho) da cidade de Presidente Jânio Quadros, cerca de 70km de Caculé.

Um dos suspeitos, Izaías Santos, que era de Irundiara, já morava em Caculé há algum tempo e residia na casa onde foram mortos. Ele mantinha um relacionamento com uma mulher que também estava na residência no momento da ação dos policiais. Ela chegou a ser levada para a delegacia para prestar esclarecimentos e foi liberada em seguida. A princípio a polícia não viu indícios de sua participação nos crimes, mas deverá ser investigada.

Um quarto suspeito, que também estava na residência, conseguiu fugir durante a ação dos policias, mas acabou sendo preso horas depois. De acordo com informações obtidas pelo Informe Cidade, ele é natural de São Paulo e teria vindo pra Caculé para participar do assalto à agência bancária do Bradesco de Jacaraci. A sua identidade não foi divulgada pela polícia.

Agentes do BOPE de Salvador chegaram em Caculé na tarde desta quarta-feira (27).

O grupo é suspeito de ter roubado uma picape Hilux em Caculé na noite da segunda-feira (25), que logo depois teria sido usada na tentativa de assalto à agência bancária em Jacaraci. A polícia acredita que os bandidos não tenham conseguido detonar os explosivos, frustrando assim o plano criminoso.

Eles teriam retornado para Caculé, já na madrugada da terça-feira (26), e abandonaram a Hilux às margens da estrada que dá acesso ao Comocoxico, próximo ao Pau do Biscoito. A polícia verificou que havia bananas de dinamite no interior do veículo. Um grupo de agentes do BOPE de Salvador foi acionado e veio a Caculé para “detonar” os explosivos.

A partir daí, numa ação conjunta de agentes da CIPE/CAESG e da Polícia Militar da 94ª CIMP de Caculé, começaram as investigações que levaram à identificação dos suspeitos.

Informe Cidade

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter